Advocacia 4.0: seu escritório está preparado para o futuro?

Sua empresa está preparada para as transformações na sociedade atual? A Advocacia 4.0 surge como resposta para levar as empresas a um outro nível de desenvolvimento.

A internet mudou a forma como pessoas consomem e se relacionam. Empresas e indústrias se readaptaram para colocarem novos valores em seus produtos. O setor de serviços cresceu exponencialmente. A tecnologia mudou tudo, e a área jurídica precisa estar no meio dessas mudanças.

A advocacia 4.0 não se resume apenas ao uso de aplicativos e introdução de mecanismos online, mas envolve inovações como inteligência artificial, jurimetria e big data. 

Os ganhos são significativos: mais produtividade, mais tempo e novas competências adquiridas pelo time.

Você sabe como aderir à advocacia 4.0 em seu escritório? Leia abaixo e confira tudo o que você precisa saber sobre ela.

O que é advocacia 4.0?

De uma forma bem simples, Advocacia 4.0 é uma forma de atuar no mercado que usa recursos de conexão, análise de dados e automação de serviços.

Basicamente envolve a introdução de procedimentos online em todas as áreas do escritório. Desde o controle de gastos até o contato humanizado com o cliente.

A advocacia 4.0 também anda de mãos dadas com a jurimetria, que é a aplicação de métodos quantitativos, como a Estatística, no setor jurídico.

A partir de todas essas ferramentas, os advogados ganham mais recursos para analisar um caso ou tomar uma decisão com critérios técnicos. A jurimetria é fundamental para a advocacia 4.0, já que ajuda no Compliance de várias empresas, economiza tempo durante os processos de auditoria e ainda serve como base para casos criminais e empresariais.

Vale também uma reflexão sobre a democratização do saber jurídico. A internet dissemina informações e análises sobre todos os setores, mas ao mesmo tempo, precariza o conhecimento. 

O advogado conectado na advocacia 4.0 precisa também ter um dinamismo e um entendimento do mundo que o cerca, e não apenas a destreza com as leis. São as novas habilidades do advogado.

As habilidades do profissional na advocacia 4.0

Até 20 anos atrás, a rotina do advogado era muito centrada em lidar com papéis, grandes livros e registros antigos. Ele passava horas dentro da vara cível, procurando registros e montando os processos. Tinha papéis e documentos a preencher. 

A advocacia 4.0 mudou toda essa relação. Hoje o instrumento de trabalho do advogado é o computador. Ele passa horas na internet, lidando com números, registros, conversas.

Não apenas na internet. O profissional precisa também se comunicar de um jeito diferente com o público, que é mais exigente e muitas vezes conhece a lei antes de procurar um advogado.

A advocacia 4.0 não muda apenas os processos. Ela muda as pessoas!

E isso significa mudar a mentalidade e as novas competências que advogados precisam ter dentro do ambiente da advocacia 4.0.

Hoje, é fundamental ter capacidades socioemocionais. Elas ajudam a lidar com pessoas e situações que não são rígidas. É muito diferente das capacidades cognitivas, como pensamento lógico.

Na advocacia 4.0, habilidades como resiliência, flexibilidade, autocrítica e clareza na comunicação são tão importantes como o domínio da lei e o conhecimento sobre normas jurídicas.

Essas competências fazem o advogado se comunicar melhor com seus clientes, gerir melhor seu tempo e seus processos e trazem ganhos de produtividade para o indivíduo e para o escritório.

ebook metodologias de gestão de tempo

Como fazer seu escritório entrar na advocacia 4.0?

Depois de ler tudo isso, você deve estar se perguntando: como fazer um escritório entrar de vez na era da advocacia 4.0?

Abaixo, listamos algumas práticas que podem ser usadas para aumentar a flexibilidade, a produtividade e a gestão de tempo do escritório e dos profissionais com ferramentas da advocacia 4.0:

  • Aplicativos de mensagens: aplicativos de mensagens instantâneas, como Slack e Whatsapp, ajudam a conectar o time de profissionais de qualquer lugar e torna a troca de informações muito mais rápida.
  • Softwares de produtividade: a adoção de softwares como Asana e Trello ajudam a automatizar tarefas e deixa claro o que todos os funcionários de uma empresa precisam fazer.
  • Uso de serviços jurídicos online: a contratação de serviços jurídicos pela internet, como a jurimetria, a análise de dados e o acesso a processos e registros nos sites do governo flexibiliza e melhora a tomada de decisão de todos.
  • Digitalização de documentos: economizar papel é prático e ajuda a salvar o planeta. Com documentos digitalizados, inclusive com assinatura digital, os trâmites ficam muito mais simples e rápidos
  • Marketing digital: o escritório precisa dialogar com seu público, e a melhor forma de fazer isso é apostar numa gestão de redes sociais, na escrita de artigos e na humanização dos advogados perante o público.

A gestão de tempo dentro da advocacia 4.0

A internet mudou a noção de tempo. Tudo ficou mais rápido. Por isso, um dos principais tópicos dentro da advocacia 4.0 é como o tempo é gerido.

Acessar registros, documentos e conversar com o cliente por aplicativos de mensagens têm, como tudo na vida, vantagens e defeitos.

A vantagem na advocacia 4.0 é que o contato fica mais próximo e humanizado. A desvantagem é que pode faltar tempo para a tomada de decisões técnicas e racionais, que precisam ser pensadas.

Junto a isso, os afazeres do cotidiano podem tornar tudo mais complicado e sobrecarregar o profissional, que também tem sua vida pessoal e seus próprios anseios para lidar.

Dentro das práticas da advocacia 4.0 que você leu acima, é fundamental adotar metodologias de gerenciamento de tempo. Uma metodologia é um conjunto de práticas e técnicas. Quando se pensa de forma diferente, o tempo é usado de uma forma diferente. 

A escolha da metodologia deve vir acompanhada das necessidades do escritório. Se há muitas tarefas, a metodologia Pomodoro pode ser mais prática. Neste material aqui, estão algumas metodologias, o que elas apresentam de pontos fortes e como podem ser usadas na advocacia 4.0.

Aqui vale um adendo: a metodologia vem para simplificar a vida dos advogados e do escritório na advocacia 4.0, não para se tornar um outro processo. É importante ter uma conversa aberta e franca com todos os profissionais para escolher o tipo de pensamento no qual todos ganham.

2 Comentários

  1. Ted

    Gostaria de modernizar o escritório, com um programa que permitisse gerar procurações, declarações e contratos apenas com o preenchimento dos dados do cliente; a cada nova movimentação processual, o cliente receber a informação no celular sms, Whatsapp ou e-mail; gerar recibos e prestação de contas automaticamente; criar método de assinatura digital para os clientes assinarem os formulários do escritório; controle das publicações e datas de audiências, prazos recursais, geradas em relatorios; recebimento de novidades dos TJ’s, STJ e STF; criar página na internet para o escritorio; disponibilização dos serviços pelo Google, etc

    Responder
    1. Caroline Capra

      Oi, Ted. Imagino o quão útil seriam essas funções para sua rotina! Você já viu o que o Advise Hub pode fazer por você? Te convido a conhecer mais sobre esse software jurídico, acredito que ele pode te ajudar! É só clicar nesse link para saber mais 🙂 http://materiais.advise.com.br/hub

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *